O que é a cloud privada?

19 Janeiro, 2024

A cloud privada é uma infraestrutura de cloud em que os recursos de computação são dedicados exclusivamente a uma organização. Ao contrário da abordagem da cloud pública, os recursos não são partilhados com outros clientes e, por isso, as empresas mantêm um maior controlo sobre o desempenho da sua infraestrutura de TI virtualizada.

Na abordagem private cloud, os recursos estão altamente protegidos contra quaisquer atividades realizadas por  outros clientes, tanto em termos de segurança, como de privacidade e garantia de desempenho.

 

Como funciona a cloud privada?


A cloud privada é uma infraestrutura em que os recursos são exclusivos de cada organização, sendo os servidores ocupados por clientes únicos.

Os recursos podem ser alojados no centro de dados local da organização ou num centro de dados externo, como num data center de um provedor de cloud. As organizações podem gerir totalmente o seu ambiente ou subcontratar a sua gestão a um fornecedor de serviços geridos. No entanto, ao optar pela subcontratação, o fornecedor de cloud privada é responsável pela aquisição, gestão, monitorização e manutenção da infraestrutura física.

 

Principais vantagens da cloud privada


Os ambientes de cloud privada oferecem a flexibilidade da cloud, ao mesmo tempo que proporcionam um nível mais elevado de desempenho, controlo, segurança e privacidade.

As organizações optam por uma implantação de cloud privada para se beneficiar da eficiência e da personalização de serviços inerentes aos ambientes single tenant, bem como para atender aos requisitos de conformidade regulamentar. A utilização de uma cloud privada é semelhante a ter um centro de dados dedicado, enquanto aproveita as vantagens da cloud. As empresas já não precisam de manter a sua própria infraestrutura e servidores dedicados, bem como podem acelerar os procedimentos de provisão e de implementação.

 

Utilização exclusiva dos recursos


O modelo private cloud oferece vantagens semelhantes às de possuir um centro de dados no local. Ao optar por este modelo, as empresas não partilham os seus recursos informáticos com outros clientes. Isto evita que o seu desempenho seja afetado pela atividade de outras máquinas virtuais na mesma infraestrutura física. Um problema que pode acontecer nas soluções de cloud pública, onde os recursos podem ser sobrelotados.

Assim, ao manter os recursos exclusivos com uma cloud dedicada, as empresas beneficiam de um desempenho previsível, sem vizinhos ruidosos.

 

Custos transparentes e controlados


Ao contrário do que muitas pessoas pensam, os ambientes de cloud dedicados, como os que concebemos na Ar Telecom, são verdadeiramente competitivos. Um ambiente de cloud privada é muitas vezes a escolha mais adequada em termos de custo-eficácia.

A maior parte das cargas de trabalho das empresas são previsíveis e, por isso, é mais rentável executá-las numa cloud privada do que numa cloud pública.

Além disso, graças à cloud, as empresas não precisam de fazer grandes investimentos de capital na compra e atualização de equipamento informático e, ao mesmo tempo, podem reduzir os custos de gestão. No entanto, a falta de transparência em algumas soluções de computação em cloud pública faz com que os custos da computação em cloud disparem. Os problemas de gestão dos custos são, de facto, uma das razões subjacentes à repatriação da cloud.

Mas esse não é o caso dos ambientes de cloud privada, uma vez que os custos são normalmente muito mais fáceis de controlar. Em comparação com as taxas de utilização substanciais nas clouds públicas e os custos associados à gestão de centros de dados em soluções no local, uma infraestrutura de cloud privada oferece o melhor dos dois mundos. 

 

Maior controlo e segurança


Uma abordagem private cloud, por natureza, reduz consideravelmente o número de ameaças de segurança esperadas. Os clientes desfrutam de maior segurança e controlo sobre o seu ambiente de TI, uma vez que não partilham os seus recursos com outros clientes.

Além disso, com os protocolos e medidas corretas em vigor, uma cloud privada oferece maior conformidade e segurança em comparação com um centro de dados no local. É por isso que cada vez mais organizações optam por soluções de cloud privada para as cargas de trabalho que lidam com informações de identificação pessoal, registos médicos e outros dados sensíveis.

 

Proteção de dados


A cloud privada facilita o cumprimento dos requisitos de proteção de dados pois os clientes podem facilmente saber a localização dos seus serviços. Além disso, no que respeita à conformidade regulamentar, as empresas devem certificar-se sempre de que a localização do servidor do fornecedor está em conformidade com a regulamentação local da sua empresa. 

 

cloud pública vs. cloud privada


Resumindo, aqui está uma tabela com algumas das diferenças mais comuns entre ambientes de cloud pública e ambientes de cloud privada.

 

 

Private Cloud

 

  • Recursos dedicados
  • Hospedado por um provedor de serviços de cloud ou internamente.

  • Conectividade através da Internet pública ou através de uma rede privada segura.

  • Normas abertas.

  • Custos controlados ao longo do tempo.

  • Requer um nível médio de segurança por parte da empresa. Inclui monitorização proactiva dedicada.
  • Ideal para cargas de trabalho de TI de missão crítica e picos de tráfego previsíveis.

  • Elevada visibilidade e controlo da infraestrutura.

  • Elevada escalabilidade quando se opta por uma cloud privada alojada.

  • Adequado para dados sensíveis; especialmente centrado na proteção e soberania dos dados.

Public Cloud

 

  • Recursos partilhados
  • Hospedado por um provedor de serviços de cloud
  • Conectividade através da Internet pública
  • Normas proprietárias.
  • Custos iniciais baixos.
  • Requer um elevado nível de segurança por parte da empresa. Não inclui monitorização proactiva dedicada
  • Ideal para lidar com picos de tráfego invulgares
  • Baixa visibilidade e controlo da infraestrutura
  • Elevada escalabilidade
  • Adequado para informações não confidenciais

 

Da cloud privada on-prem à cloud privada num service provider


As clouds privadas eram tradicionalmente alojadas no local, dentro das instalações da empresa. No entanto, esta abordagem está a tornar-se cada vez menos comum. Porquê? Porque uma cloud privada é alojada por um fornecedor de serviços cloud facilitando o aproveitamento das vantagens da cloud.

  • Uma solução num service provider permite que as empresas escalem mais facilmente.
  • As empresas não precisam de manter, gerir e atualizar a sua própria infraestrutura física.
  • A equipa de TI pode concentrar-se em tarefas que acrescentam mais valor ao negócio.

 

Em que é que a cloud privada é diferente da cloud local?


Maior produtividade, menor tempo de colocação no mercado e otimização de custos são alguns dos benefícios de ter uma cloud privada. Aqui está uma tabela que compara as principais diferenças entre um ambiente de cloud privada e um centro de dados no local.

 

Private Cloud

 

  • Modelo OPEX
  • Poupanças OPEX graças à externalização da gestão e da manutenção.

  • Conectividade através da Internet pública ou através de uma rede privada segura.

  • Elevada escalabilidade.

  • Alta disponibilidade a um preço competitivo.

  • Suporte e monitorização acessíveis 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Continuidade do negócio e recuperação de desastres a preços acessíveis e competitivos, graças a um maior nível de segurança e redundância

On-premise

 

  • Modelo CAPEX
  • Elevadas despesas operacionais relacionadas com a gestão e manutenção do centro de dados e com o recrutamento.

  • Baixa escalabilidade.

  • A obtenção de alta disponibilidade é mais dispendiosa.

  • Alta disponibilidade a um preço competitivo.

  • Suporte e monitorização dispendiosos 24 horas por dia, 7 dias por semana
  • Conseguir o mesmo nível de continuidade do negócio e de recuperação de desastres é mais difícil e menos rentável

 

Tipos de Cloud privada


Existem diferentes tipos de cloud privada que oferecem diferentes vantagens às empresas:

  • Cloud privada no local. Este tipo de Cloud Privada consiste na criação de um ambiente privado e virtualizado dentro do centro de dados local da organização.
  • Cloud privada hospedada. Este tipo de cloud privada oferece recursos dedicados às organizações, fornecidos por um fornecedor externo. Os servidores continuam a ser exclusivos de cada organização e independentes das atividades de outros clientes.
  • Cloud privada virtual. Esse tipo de cloud privada usa um ambiente isolado dentro de uma cloud pública. Isto permite que as organizações executem as suas cargas de trabalho utilizando recursos privados, sendo que os servidores continuam a ser partilhados com outros clientes.

Em suma, entre os diferentes tipos de cloud, os ambientes de cloud privada alojada destacam-se por oferecerem recursos dedicados com o melhor rácio de desempenho, segurança e controlo. Se procura uma solução de cloud segura, fiável e rentável para as suas aplicações de missão crítica, não hesite em contactar os nossos especialistas para obter um orçamento personalizado.

A cloud privada é uma infraestrutura de cloud em que os recursos de computação são dedicados exclusivamente a uma organização. Ao contrário da abordagem da cloud pública, os recursos não são partilhados com outros clientes e, por isso, as empresas mantêm um maior controlo sobre o desempenho da sua infraestrutura de TI virtualizada.

Na abordagem private cloud, os recursos estão altamente protegidos contra quaisquer atividades realizadas por  outros clientes, tanto em termos de segurança, como de privacidade e garantia de desempenho.

 

Como funciona a cloud privada?


A cloud privada é uma infraestrutura em que os recursos são exclusivos de cada organização, sendo os servidores ocupados por clientes únicos.

Os recursos podem ser alojados no centro de dados local da organização ou num centro de dados externo, como num data center de um provedor de cloud. As organizações podem gerir totalmente o seu ambiente ou subcontratar a sua gestão a um fornecedor de serviços geridos. No entanto, ao optar pela subcontratação, o fornecedor de cloud privada é responsável pela aquisição, gestão, monitorização e manutenção da infraestrutura física.

 

Principais vantagens da cloud privada


Os ambientes de cloud privada oferecem a flexibilidade da cloud, ao mesmo tempo que proporcionam um nível mais elevado de desempenho, controlo, segurança e privacidade.

As organizações optam por uma implantação de cloud privada para se beneficiar da eficiência e da personalização de serviços inerentes aos ambientes single tenant, bem como para atender aos requisitos de conformidade regulamentar. A utilização de uma cloud privada é semelhante a ter um centro de dados dedicado, enquanto aproveita as vantagens da cloud. As empresas já não precisam de manter a sua própria infraestrutura e servidores dedicados, bem como podem acelerar os procedimentos de provisão e de implementação.

 

Utilização exclusiva dos recursos


O modelo private cloud oferece vantagens semelhantes às de possuir um centro de dados no local. Ao optar por este modelo, as empresas não partilham os seus recursos informáticos com outros clientes. Isto evita que o seu desempenho seja afetado pela atividade de outras máquinas virtuais na mesma infraestrutura física. Um problema que pode acontecer nas soluções de cloud pública, onde os recursos podem ser sobrelotados.

Assim, ao manter os recursos exclusivos com uma cloud dedicada, as empresas beneficiam de um desempenho previsível, sem vizinhos ruidosos.

 

Custos transparentes e controlados


Ao contrário do que muitas pessoas pensam, os ambientes de cloud dedicados, como os que concebemos na Ar Telecom, são verdadeiramente competitivos. Um ambiente de cloud privada é muitas vezes a escolha mais adequada em termos de custo-eficácia.

A maior parte das cargas de trabalho das empresas são previsíveis e, por isso, é mais rentável executá-las numa cloud privada do que numa cloud pública.

Além disso, graças à cloud, as empresas não precisam de fazer grandes investimentos de capital na compra e atualização de equipamento informático e, ao mesmo tempo, podem reduzir os custos de gestão. No entanto, a falta de transparência em algumas soluções de computação em cloud pública faz com que os custos da computação em cloud disparem. Os problemas de gestão dos custos são, de facto, uma das razões subjacentes à repatriação da cloud.

Mas esse não é o caso dos ambientes de cloud privada, uma vez que os custos são normalmente muito mais fáceis de controlar. Em comparação com as taxas de utilização substanciais nas clouds públicas e os custos associados à gestão de centros de dados em soluções no local, uma infraestrutura de cloud privada oferece o melhor dos dois mundos. 

 

Maior controlo e segurança


Uma abordagem private cloud, por natureza, reduz consideravelmente o número de ameaças de segurança esperadas. Os clientes desfrutam de maior segurança e controlo sobre o seu ambiente de TI, uma vez que não partilham os seus recursos com outros clientes.

Além disso, com os protocolos e medidas corretas em vigor, uma cloud privada oferece maior conformidade e segurança em comparação com um centro de dados no local. É por isso que cada vez mais organizações optam por soluções de cloud privada para as cargas de trabalho que lidam com informações de identificação pessoal, registos médicos e outros dados sensíveis.

 

Proteção de dados


A cloud privada facilita o cumprimento dos requisitos de proteção de dados pois os clientes podem facilmente saber a localização dos seus serviços. Além disso, no que respeita à conformidade regulamentar, as empresas devem certificar-se sempre de que a localização do servidor do fornecedor está em conformidade com a regulamentação local da sua empresa. 

 

cloud pública vs. cloud privada


Resumindo, aqui está uma tabela com algumas das diferenças mais comuns entre ambientes de cloud pública e ambientes de cloud privada.

 

 

Private Cloud

 

Recursos dedicados

  • Hospedado por um provedor de serviços de cloud ou internamente.

  • Conectividade através da Internet pública ou através de uma rede privada segura.

  • Normas abertas.

  • Custos controlados ao longo do tempo.

  • Requer um nível médio de segurança por parte da empresa. Inclui monitorização proactiva dedicada.
  • Ideal para cargas de trabalho de TI de missão crítica e picos de tráfego previsíveis.

  • Elevada visibilidade e controlo da infraestrutura.

  • Elevada escalabilidade quando se opta por uma cloud privada alojada.

  • Adequado para dados sensíveis; especialmente centrado na proteção e soberania dos dados.

Public Cloud

 

  • Recursos partilhados
  • Hospedado por um provedor de serviços de cloud
  • Conectividade através da Internet pública
  • Normas proprietárias.
  • Custos iniciais baixos.
  • Requer um elevado nível de segurança por parte da empresa. Não inclui monitorização proactiva dedicada
  • Ideal para lidar com picos de tráfego invulgares
  • Baixa visibilidade e controlo da infraestrutura
  • Elevada escalabilidade
  • Adequado para informações não confidenciais

 

Da cloud privada on-prem à cloud privada num service provider


As clouds privadas eram tradicionalmente alojadas no local, dentro das instalações da empresa. No entanto, esta abordagem está a tornar-se cada vez menos comum. Porquê? Porque uma cloud privada é alojada por um fornecedor de serviços cloud facilitando o aproveitamento das vantagens da cloud.

  • Uma solução num service provider permite que as empresas escalem mais facilmente.
  • As empresas não precisam de manter, gerir e atualizar a sua própria infraestrutura física.
  • A equipa de TI pode concentrar-se em tarefas que acrescentam mais valor ao negócio.

 

Em que é que a cloud privada é diferente da cloud local?


Maior produtividade, menor tempo de colocação no mercado e otimização de custos são alguns dos benefícios de ter uma cloud privada. Aqui está uma tabela que compara as principais diferenças entre um ambiente de cloud privada e um centro de dados no local.

 

Private Cloud

 

  • Modelo OPEX
  • Poupanças OPEX graças à externalização da gestão e da manutenção.

  • Conectividade através da Internet pública ou através de uma rede privada segura.

  • Elevada escalabilidade.

  • Alta disponibilidade a um preço competitivo.

  • Suporte e monitorização acessíveis 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Continuidade do negócio e recuperação de desastres a preços acessíveis e competitivos, graças a um maior nível de segurança e redundância

On-premise

 

  • Modelo CAPEX
  • Elevadas despesas operacionais relacionadas com a gestão e manutenção do centro de dados e com o recrutamento.

  • Baixa escalabilidade.

  • A obtenção de alta disponibilidade é mais dispendiosa.

  • Alta disponibilidade a um preço competitivo.

  • Suporte e monitorização dispendiosos 24 horas por dia, 7 dias por semana
  • Conseguir o mesmo nível de continuidade do negócio e de recuperação de desastres é mais difícil e menos rentável

 

Tipos de Cloud privada


Existem diferentes tipos de cloud privada que oferecem diferentes vantagens às empresas:

  • Cloud privada no local. Este tipo de Cloud Privada consiste na criação de um ambiente privado e virtualizado dentro do centro de dados local da organização.
  • Cloud privada hospedada. Este tipo de cloud privada oferece recursos dedicados às organizações, fornecidos por um fornecedor externo. Os servidores continuam a ser exclusivos de cada organização e independentes das atividades de outros clientes.
  • Cloud privada virtual. Esse tipo de cloud privada usa um ambiente isolado dentro de uma cloud pública. Isto permite que as organizações executem as suas cargas de trabalho utilizando recursos privados, sendo que os servidores continuam a ser partilhados com outros clientes.

Em suma, entre os diferentes tipos de cloud, os ambientes de cloud privada alojada destacam-se por oferecerem recursos dedicados com o melhor rácio de desempenho, segurança e controlo. Se procura uma solução de cloud segura, fiável e rentável para as suas aplicações de missão crítica, não hesite em contactar os nossos especialistas para obter um orçamento personalizado.